Web Analytics

29/12/2012

Sexo no dia de reuniões mediunicas pode?

                    Eis um assunto que por mais abordado que já tenha sido ainda trás um certo ``Q´´ de ``tabu´´, sim afinal ainda hoje o sexo é atrelado as sensações e como sensações muitas pessoas vivenciam a proibição moralista imposta culturalmente pela sociedade apesar de toda aparente liberdade sexual.
                    Quer um exemplo?: Quem lendo agora se lembra de ter chegado em casa algum casal amigo bem na hora ``H´´ e ser falado com muita simplicidade `` Entrem estávamos ali transando´´ ou durante um papo entre amigos alguém dizer `` Olha! ontem praticamos um sexo como nos tempos de namoro.´´ ou ainda soltar um `` Estou excitado agora ´´ como se estivéssemos com sede, algum espanto nisso? Porque? Não se trata de mais uma entre tantas necessidades biológicas atreladas ao psiquismo humano? O que realmente transvia o ato em si é exatamente a moralidade excessiva imposta sobre o sexo, esquecemos que não se trata do ato sexual em si, mas como se manifesta o desejo na mente do ser humano, a intensidade e a necessidade de satisfação puramente doentia em algumas ocasiões. O nosso pensamento trabalha incessantemente e imaginem o que pode se passar na mente de qualquer médium durante o ato de entrega a mediunidade. O fato é que em se tratando de objetivo, ou seja ``Qual o objetivo do sexo antes (quando falo antes me refiro ao dia propriamente e não alguns minutos apenas) da reunião mediúnica? Já ouvi falar que no mínimo no dia anterior o médium deveria se abster ( ouvi isso de um suposto Umbandista via comunidades de debate no Orkut ) ao que perguntei sarcasticamente quantas vezes esse irmão trabalhava por semana na tenda de Umbanda, mas brincadeiras a parte raciocinemos juntos:
                    O trabalhador de reuniões mediúnicas mal orientado muitas vezes se abstêm do ato sexual devido a mistica ideia de ser o sexo prejudicial devido ao acoplamento de entidades dias antes da reunião para troca e identificação fluídica podendo assim proporcionar a tais entidades sofrimentos imensuráveis, oras aproximação para auxilio na identificação energética não significa que tais entidades estariam participando do ato sexual necessariamente, se assim fosse estaríamos a merce 24 horas por dia de entidades perniciosas.
                    O sexo proporciona movimento``psicológico´´, trás alegria à alguns, culpa à outros e repetindo algo que já li muito de outros autores: ``Na simplicidade quando praticado com carinho, responsabilidade sem prevaricação do desejo é saudável e em nada atrapalha uma reunião mediúnica.´´ O que atrapalha de fato é onde estará o pensamento. E em matéria de pensamento não temos exatamente um psicoscópio a disposição física no canto da sala, cabe a cada um saber onde esta o coração no momento da reunião e com certeza aquele membro do grupo que se utilizou do sexo antes da reunião terá se desvinculado de um pensamento e assim estará apto ao exercício mediúnico talvez muito mais do que aquele que se absteve e durante a reunião aflora vários pensamentos de ordem sexual devido ao monoideísmo criado.
                    Enfim em se tratando de exercício espiritual, não se trata apenas da reunião mediúnica em si, mas, do passe, da entrevista, da coordenação, da palestra, da cozinha, resumindo se trata da postura intima diante do desejo qualquer que seja, se o ser esta em paz interior executará um bom trabalho.

6 comentários:

Anônimo disse...

Achei muito esclarecedor, este texto,que aborda um assunto bem discutido por nós estudantes da Seara Espírita e concordo, pois, o que vale é o que o médium leva no coração; a vontade de praticar o bem!

Anselmo B. heib disse...

Gratidão por doar seu tempo nesta observação.

Anônimo disse...

Sr. Anselmo:

Dado que o sr. não deixou explícito a quais médiuns seu texto se dirige (embora seja óbvio...), deduzo então (para dar o benefício da dúvida) que seja a TODOS. Ora, assim sendo, me sinto na necessidade de perguntar: quanta experiência com incorporação o sr. tem, no que tange a entidades da Umbanda DENTRO de uma gira? Já incorporou as energias de um orixá? Na linha dos xamãs africanos? Já procurou saber os motivos dados pelos umbandistas estudiosos para essa "má orientação"? Eu acho bem provável o sr. não publicar meu comentário, mas tudo bem. O caso é, que se o sr. tem essa experiência da qual eu questionei, então não tenho nada a argumentar. Mas se não tem, não sabe os efeitos que muitas pessoas sofrem ao não obedecer a dieta a que são orientados PARA PARTICIPAREM DE UMA GIRA DE TERREIRO, da qual o sexo é APENAS UMA PARTE.
QUE FIQUE CLARO QUE NÃO ESTOU DEFENDENDO QUE OS ESPÍRITAS/KARDECISTAS SE ABSTENHAM TAMBÉM!
Se quer UMA VISÃO dentre muitas a respeito da coisa, de forma mais geral (isto é, médiuns de umbanda & de espiritismo, e de lá, o sr. pode deduzir muitas coisas) dou-lhe um link:
http://www.forumespirita.net/fe/comunicabilidade-dos-espiritos-%28mediunidade%29/medium-espirita-x-medium-umbandista-existe-diferenca-realmente/

Se algo que eu disse estiver errado, "poste" uma resposta ao meu post, e cresçamos juntos! Mas se o sr. perceber que foi precipitado em apitar num assunto que não domina, ou não foi específico o bastante, faça um "upgrade" no seu texto, ou melhor! Pesquise o assunto, participe em um terreiro, e faça uma nova postagem! Se o espiritismo é ciência, e mediunidade é descrita pelo espiritismo, nada melhor que um cientista fazendo um trabalho de campo! (ou de terreiro, se preferir). Porque foi assim que Kardec compilou esse conhecimento, indo à campo. Mas não dá prá falar o que é e o que não é sobre um médium de umbanda se vc não pratica a mediunidade de terreiro.
Ass. gnu1sn0tunix

PS1. E por favor, não subestime a inteligência dos seus leitores (ou pelo menos a minha), dizendo que o texto não foi direcionado aos umbandistas/ex-umbandistas & CIA, OK?
PS2. Eis uns links ricos para quem quiser ter uma visão "inter-estudos" da Umbanda:
http://www.diariodoadeptu.com/search/label/Umbanda
http://www.deldebbio.com.br/category/religioes/umbanda/

Anselmo B. heib disse...

Caríssimo ANONIMO, as deficiências ou progressos da psique humana nem necessitam ser explicadas pois são fatos estabelecidos pelo desenvolvimento intimo sendo assim o pensamento é a força regente das nossas vontades ao qual nenhuma mascara abstêm o ser humano de sua realidade, sendo assim vestir a mascara do trabalhador seja de qual for a área não poderá torná-lo uma pessoa melhor.

Quanto a sua indagação, não não INCORPORO ou seja nada de PSICOFONIA, PSICOPRÁXIA porem irmão sou daqueles que conversam muito com outras pessoas e sempre voltado ao bom senso tiro ensinamentos e conclusões.

As doutrinas podem até ser diferentes na forma e pratica mas a essência dos fenômenos e manifestações são as mesmas e como parece ser esclarecido não há duvidas que uma mente sadia é a força motriz de qualquer atividade espiritual ``ao menos penso assim por ter se manifestado´´.

Todos os links que sugeriu partem de ou autores diversos ou particulares e contem na base a opinião pessoal extraída ou não de obras doutrinárias ( quando as doutrinas as tem por escrito e não por repasse de linhagem )

É bem vindo explicando o por que dentro de sua ótica ( por que em linhas gerais falamos por nós mesmos ) tais recomendações são válidas e necessárias, mas é deplorável quando se tenta argumentar ou defender uma posição atacando o autor do texto enfatizando aquilo que não concorda com um apelo de autoridade desnecessário, pois o texto não é direcionado a Umbandistas afinal ali não existem reuniões mediúnicas ( ou existem ? , sobre a pratica de terreiro realmente todas as vezes que adentrei um foi com o intuito de observação e destas observações concluo que mediunidade é mediunidade em qualquer paragem.

Agora sobre cumprir uma determinação de Espíritos cabe a si mesmo acatá-las com bom senso e nada de misticismo, e como bem trata o texto o importante é que entre em sua gira em paz sem a imposição enclausuradora do poder ou não poder fazer algo, pois se proceder pela norma apenas sem alterar o quadro mental não estará auxiliando nem a si mesmo quanto mais ao próximo.

Um forte abraço ANONIMO

Sandra Fatima de Oliveira disse...

Anselmo amigo, e anonimo amigo, esse dialogo só vem a esclarecer minha mente e o meu coração, o tema é de extrema importancia, e por ser tabú é que faz o debate mais esclarecedor, agradeço muito por fazer parte desse aprendizado.

Abraçosss

Professora Enecí disse...

Muito interessante e esclarecedor seu texto.São tantos mitos.